Header Ads

CABROBÓ-PE: Promotor de Justiça quer o fim de poluição sonora na cidade

Terça-feira, 09 Maio 2017
CABROBÓ-PE: Promotor de Justiça quer o fim de poluição sonora na cidade
Não é de hoje que a população de Cabrobó vem reclamando do abuso no uso de som dos veículos, os chamado paredões passou a ser objeto de luxo e de constantes disputas na cidade.

Não importa o modelo do carro e nem tão pouco o ano, o que vale é ter um som potente instalado no veiculo e quanto mais potente mais chama a atenção. Pois bem, o uso dos paredões com volumes exagerados e em locais que tirar o sossego do próximo está terminantemente proibido.

O Promotor de Justiça da Comarca de Cabrobó, Dr. Carlos Eugênio do Rêgo Barros Quintas Lopes, emitiu Recomendação ao Prefeito o Município, Marcilio Cavalcanti, não forneça alvará de autorização para realização de festejos onde o uso de paredões possa causar poluição sonora.

Dr. Carlos Eugênio do Rêgo Barros Quintas Lopes, argumenta na recomendação que a poluição sonora é um grave e crescente problema de saúde pública, exigindo atenção especial dos poderes públicos constituídos, sendo considerada um dos maiores problemas ambientais do mundo moderno e forte coadjuvante do aumento da depressão e outras severas doenças.

O representante do Ministério Público de Pernambuco em Cabrobó diz ainda, que a poluição sonora e a perturbação do sossego são formas de violência urbana que geram e agregam outras formas de abuso e de criminalidade, servindo de atrativo e abrigo a diversos tipos de delitos mais graves, como o tráfico e o consumo de drogas, inclusive por adolescentes, e a prostituição infanto-juvenil.

O seu combate, por outro lado, favorece a um trânsito e logradouros mais tranquilos, a segurança e a saúde públicas.


MINISTÉRIO PÚBLICO DO ESTADO DE PERNAMBUCO
PROMOTORIAS DE JUSTIÇA DA COMARCA DE CABROBÓ/PE
RECOMENDAÇÃO 002/2017

(Da Redação - Blog do Nilson Macedo) Whatsapp (87) 9.9939-2144 – e-mail radionoticia@yahoo.com.br
Acesse mais notícias: www.blognilsonmacedo.com
Nilson Macedo. Tecnologia do Blogger.