Delegado e dois agentes são presos e demitidos da polícia por forjarem flagrante no Estado de PE

Sexta-feira, 28 Julho 2017
Delegado e dois agentes são presos e demitidos da polícia por forjarem flagrante no Estado de PE
Além dos policiais civis, um guia turístico envolvido no caso, também foi preso.

Três policiais civis e um guia turístico foram presos após cumprimento de mandado e conduzidos ao Centro de Observação Criminológica e Triagem Professor Everardo Luna (COTEL) pelos crimes de concussão e denunciação criminosa.

Segundo a delegada Patrícia Domingos, da Delegacia de Polícia de Crimes contra a Administração e Serviços Públicos (DECASP), o caso aconteceu no ano de 2005, quando os policiais e um guia turístico forjaram um flagrante contra um cidadão italiano.

“Eles teriam feito um flagrante por porte de armas e notas falsificados contra este cidadão, que negava”, explicou à delegada. Os acusados foram encontrados no Recife, em São Lourenço da Mata e Jaboatão dos Guararapes e não resistiram à prisão.

Os quatro mandados de prisão foram cumpridos contra o delegado de polícia Fernando Antônio Alves Moreira (que foi demitido e pegou oito anos de prisão).

Contra os comissários Jonas Augusto Holanda Júnior e Wladimir Ribeiro de Albuquerque (demitido e aposentado, penas de 8 e 12 anos de prisão, respectivamente), além do guia turístico Roberto Fernando da Silva Júnior (oito anos de prisão). (Folha PE)

(Da Redação - Blog do Nilson Macedo) Whatsapp (87) 9.9939-2144 – e-mail radionoticia@yahoo.com.br
Acesse mais notícias: www.blognilsonmacedo.com

Postagens Relacionadas
‹‹ Postagem mais recente Postagem mais antiga ››

Parceiros

Parceiros