Header Ads

Povo chama Lula de ladrão em caravana fracassada pelo Nordeste

Quarta-feira, 30 Agosto 2017
Povo chama Lula de ladrão em caravana fracassada pelo Nordeste
Lula é hostilizado após chamar membros da Lava Jato de canalhas

Foi fracasso de público e de crítica o comício do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva fracassou, em Campina Grande - PB, no último domingo (27). Apesar do domínio dos sindicatos, movimentos de sem terra e de partidos de esquerda, um coro de nordestinos indignados com o petista condenado por corrupção e lavagem de dinheiro chamou Lula de ladrão e pediu sua prisão.

O ex-presidente engasgou e deu um sorriso amarelo, ao ser interrompido por gritos de: “Lula, ladrão, roubou toda a nação”, quando cumpria sua a agenda de campanha eleitoral antecipada que pretende levá-lo à disputa pela Presidência da República, se a Justiça permitir.

O vexame foi registrado em transmissão ao vivo pela própria página de Lula no Facebook, justamente no momento em que o petista criticava integrantes do PSDB, sugerindo ter mais força que os tucanos para resistir às denúncias.
O fracasso de público também foi registrado por um morador de Campina Grande, que filmou a dimensão real da falsa multidão reunida para o comício. “Fracasso total a visita do homem aqui em Campina Grande”.

Só o MST, os sindicatos e alguns babões. Campina Grande mais uma vez mostrou que não é comandada por esses bandidos. Nunca ganharam uma eleição em Campina Grande”, disse o autor das imagens.

A reação contra Lula em pleno ato político de seus aliados de esquerda aconteceu um dia depois de o ex-presidente atacar membros da Operação Lava jato, ao discursar em João Pessoa – PB. Na noite de sábado (26), chamando-os de canalhas e acusando as instituições de estar a três anos com a operação, “prendendo de forma arbitrária”, desrespeitando a presunção de inocência e de julgá-lo, mesmo “sabendo quem pegou dinheiro”.

As reações contrárias à presença de Lula foram registradas desde o início da agenda de campanha antecipada do petista. Em Maceió - AL, onde o ex-presidente foi ciceroneado pelo senador Renan Calheiros (PMDB-AL), houve carreata pedindo sua prisão e o boneco Pixuleco foi erguido à porta da Superintendência da Polícia Federal.

Nesta mesma terça-feira (29), em Quixadá, no Ceará, nordestinos também reagiram, envergonhados, contra o ex-presidente que exalta ser representante da região na história do Brasil. Via Roberto Gonçalves (Diário do Povo)

(Da Redação - Blog do Nilson Macedo) Whatsapp (87) 9.9939-2144 – e-mail radionoticia@yahoo.com.br
Acesse mais notícias: www.blognilsonmacedo.com
Nilson Macedo. Tecnologia do Blogger.