Nilson Macedo. Tecnologia do Blogger.

Mulher é presa suspeita de ajudar o namorado a estuprar a própria filha de 6 anos

Quarta-feira, 26 Dezembro 2018
Mulher é presa suspeita de ajudar o namorado a estuprar a própria filha de 6 anos
Segundo a denúncia, a mãe ajudava o namorado a abusar sexualmente da filha de 6 anos e enviar fotos da menina nua para o companheiro.

Uma mulher de 31 anos foi presa suspeita de estupro de vulnerável contra a própria filha, de 6 anos, no sudeste de Goiás. De acordo com a Polícia Civil, ela fez sexo com o namorado na frente da criança e, em seguida, o ajudou a abusar da menina.

A corporação também apurou que ela enviava fotos das partes íntimas da garota para o companheiro, que também foi detido.

O crime foi descoberto na quarta-feira (19), mas, segundo as investigações da Delegacia Especializada no Atendimento à Mulher (DEAM), os abusos já ocorriam há alguns meses. Um dia antes, a mulher teria ido para a casa do namorado acompanhada da criança.

No local, de acordo com a Polícia Civil, o casal fez sexo na frente da menina e, em seguida, tomou banho com a criança. A mãe teria saído do banheiro e deixado à garota sozinha com o namorado. O homem obrigou a vítima a praticar sexo oral nele, segundo a corporação.

O caso veio à tona depois que a vítima pediu ajuda a uma irmã de 17 anos após o abuso, e as duas procurarem o Conselho Tutelar. “O estado dela estava muito emocional, chorava muito, mas a gente acalmava. Ela relatou cenas muito chocantes que ela sofria”, conta a conselheira tutelar Maria Ferreira.

Exames feitos no Instituto Médico Legal (IML) constataram lesões recentes nas partes íntimas da menina. O casal foi localizado e preso pouco depois. A polícia disse ter comprovado que os abusos sexuais na criança ocorriam há alguns meses e eram frequentes.

Os investigadores também acharam fotos das partes íntimas da menina e de uma irmã mais velha no celular da mãe. Essas imagens teriam sido enviadas para o namorado.

“A polícia concluiu que houve uma relação sexual entre os três: o namorado, a mãe e a criança. Além dessa relação sexual, que configura o crime estupro, também há o crime de pedofilia, porque foram identificadas fotos que foram enviadas”, explicou à delegada.

Segundo a polícia, o casal tem cinco meses de namoro. A mulher tem seis filhos – dois são maiores de idade, e os outros têm 17, 13 e 6 anos.

O casal vai responder pelos crimes de estupro de vulnerável e transmissão, prática de ato sexual na presença de criança, troca e divulgação de cena de nudez de criança. As penas previstas variam de 8 a 20 anos de prisão em regime fechado. (Blog do Nilson Macedo)

(Da Redação - Blog do Nilson Macedo) Whatsapp (87) 9.9939-2144 – e-mail radionoticia@yahoo.com.br
Acesse mais notícias: www.blognilsonmacedo.com
Share on Google Plus

Sobre Nilson Macedo Bezerra

Blogueiro e Radialista

0 comentários:

Postar um comentário