Nilson Macedo. Tecnologia do Blogger.

Homem é preso suspeito de estuprar e torturar a própria filha desde os 15 anos em Petrolina – PE

Quarta-feira, 17 Abril 2019
Homem é preso suspeito de estuprar e torturar a própria filha desde os 15 anos em Petrolina – PE
O caso foi denunciado pela garota de 19 anos. Os crimes começaram a ser praticados quando ela tinha apenas 15 anos. "Foram anos bem doloridos”, diz a vítima.

Um homem de 42 anos foi preso nessa terça-feira (16) em Petrolina, no Sertão de Pernambuco, suspeito de estuprar e torturar a própria filha. A polícia tomou conhecimento do caso no mês de março, após a vítima, de 19 anos, denunciar o pai.

Segundo a garota, os abusos começaram quando ela tinha apenas 15 anos. Em entrevista, a jovem falou sobre a motivação em denunciar o pai agressor.

“Fui tentar uma coisa nova na minha vida e ele me obrigou a voltar. Nessa de voltar, eu sabia que ele não ia mudar e me deixar em paz. Aí, eu resolvi tomar essa atitude de denunciar. Foram anos bem doloridos”, diz a garota.

A vítima conta que sempre que tentava evitar o abuso, era agredida e ameaçada pelo pai. “Ele dizia que, se eu não fizesse, quando ele me levasse para os cantos que ia tirar minha roupa e eu ia voltar pra casa pelada, me batia. Dizia que ia separar da minha mãe, dizia que ia jogar meu avô na rua, que ia tocar fogo na casa”.

Por conta dos abusos, a garota teve que interromper os estudos. “Desisti com 16, com 17. tentava e desistia. Aos empurrões, cheguei ao primeiro ano do ensino médio”.

Após a prisão, o suspeito foi encaminhado para a delegacia do Ouro Preto, onde prestou depoimento. A vítima passou por uma perícia no Instituto Médico Legal (IML) de Petrolina - PE. De acordo com o delegado, Joseílton Sampaio, o homem vai ser investigado pelos crimes de estupro e tortura.

“Essa jovem foi submetida as mais diversas formas cruéis de violência. Desde queimadura a socos, pontapés. Identificamos que, além de ser estuprada, ela era torturada por esse agressor”, diz o delegado.

Segundo o delegado, os relatos feitos pela jovem são chocantes. “Ela fez um relato absolutamente assustador das agressões que sofria. Eram agressões das mais variadas formas: física, psicológica, sexual. Há um relato de várias horas de depoimento que, qualquer pessoa que ler esse relato, fica estarrecida em imaginar que um pai cometia esses atos contra a filha”. G1 Petrolina (Blog do Nilson Macedo)

(Da Redação - Blog do Nilson Macedo) Whatsapp (87) 9.9939-2144 – e-mail radionoticia@yahoo.com.br
Acesse mais notícias: www.blognilsonmacedo.com

Share on Google Plus

Sobre radionoticia@yahoo.com.br

Blogueiro e Radialista

0 comentários:

Postar um comentário