Nilson Macedo. Tecnologia do Blogger.

Homem mata ex-enteada e comete o suicídio com tiro na cabeça, no interior de PE

Terça-feira, 28 Janeiro 2020
Homem mata ex-enteada e comete o suicídio com tiro na cabeça, no interior de PE
O homem foi encontrado morto no sítio onde morava, na zona rural de Correntes – PE.

Um elemento enfurecido invadiu uma residência no Loteamento Ronaldo Amaral, na cidade de Correntes, na noite desse sábado (25), e atirou contra uma mulher de 23 anos que morreu no local.

A vítima era filha da ex-companheira do suspeito que foi identificado como Manoel Lira da Silva, vulgo “Mané”, que era morador do Sítio Estiva no mesmo município.

De acordo com a polícia, Mané chegou a casa procurando por sua ex-companheira e dizendo que iria assassiná-la, como ela não estava ele atirou contra a filha dela, Erica Machado de Lima, que estava com uma criança no colo e em seguida desapareceu.
Segundo testemunhas, o criminoso chegou a derrubar a porta da casa e entrou a força. Havia quatro mulheres na residência, uma delas teria atendido ao celular, com isso elas acham que ele tenha pensado que ela estava ligando para a polícia, foi nesse momento que ele atirou contra Erica e correu.

Elas também disseram à polícia que ele nunca aceitou a separação, mesmo já estando com outra mulher.

Uma equipe da Divisão Especializada na Apuração de Homicídios (DEAH), da Polícia Civil, esteve no local juntamente com peritos do Instituto de Criminalística (IC) e encaminharam o corpo da vítima ao Instituto de Medicina Legal (IML) de Caruaru no agreste do estado.

O corpo de Manoel Lira da Silva, de 51 anos, foi encontrado nesse domingo (26), no Sítio Estivas, ao lado do cadáver estava um revólver usado por ele para cometer o homicídio e tirar na própria cabeça. Agreste Violento (Blog do Nilson Macedo)

(Da Redação - Blog do Nilson Macedo) Whatsapp (87) 9.9939-2144 – e-mail radionoticia@yahoo.com.br
Acesse mais notícias: www.blognilsonmacedo.com
Share on Google Plus

Sobre radionoticia@yahoo.com.br

Blogueiro e Radialista

0 comentários:

Postar um comentário