Nilson Macedo. Tecnologia do Blogger.

Empresário é preso por fabricar álcool gel clandestino para se lucrar com o coronavirus

Domingo, 22 Março 2020
Empresário é preso por fabricar álcool gel clandestino para se lucrar com o coronavirus
Ele estava com mil litros de álcool puro estocado sem autorização, usando tanto para fabricar o produto e também abastecer os carros da fábrica em MS.

Um empresário de 44 anos e o primo dele, um sanitarista ambiental de 43 anos, foram presos ao fabricarem álcool em gel 70% sem a autorização da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), em uma fábrica de Campo Grande.

Segundo a polícia, eles estavam aproveitando o "pânico por conta do coronavírus e também queriam lucrar" com a grande procura pelo produto. "Eles passaram a noite na cadeia e passam por audiência de custódia nesta manhã (17)”.
O empresário possui uma fábrica de produtos de limpeza, porém, não possuía a documentação necessária para fabricar álcool gel. Nós encontramos inclusive este produto dele, já distribuído em gôndolas, com rótulos e falsa autorização da Anvisa", afirmou o delegado Wilton Vilas Boas, titular da Delegacia Especializada de Repressão aos Crimes contra as Relações de Consumo (Decon).

Em depoimento, os envolvidos negaram os crimes. "Eles aproveitaram do medo e pânico por conta da doença (coronavírus) e estavam fazendo essa produção clandestina. Ambos vão responder pelos crimes 273 do Código Penal brasileiro e também ao artigo 56 da Lei dos Crimes Ambientais. Ao mesmo tempo, o Procon (Superintendência para Orientação e Defesa do Consumidor) também está fiscalizando quem está aumentando o preço destes produtos", ressaltou Vilas. G1 (Blog do Nilson Macedo)

(Da Redação - Blog do Nilson Macedo) Whatsapp (87) 9.9939-2144 – e-mail radionoticia@yahoo.com.br
Acesse mais notícias: www.blognilsonmacedo.com
Share on Google Plus

Sobre radionoticia@yahoo.com.br

Blogueiro e Radialista

0 comentários:

Postar um comentário